Vasco vive a expectativa de obter certidões negativas esta semana

Após inúmeras reuniões, o Vasco deverá ter confirmada a obtenção das certidões negativas de débito com a publicação do Diário Oficial da União.

Nissan fechará com o Vasco

Nissan fechará com o Vasco

Afogado em dívidas e com receitas bloqueadas, o Vasco vê nesta semana que se inicia a proximidade daquela que, talvez, seja a grande conquista do clube na temporada, embora ela não aconteça dentro das quatro linhas. Após inúmeras reuniões, o Gigante da Colina deverá ter confirmada a obtenção das certidões negativas de débito com a publicação do Diário Oficial da União.

Com as CND's, o Vasco terá renegociadas as dívidas com a Fazenda Nacional e desbloqueará as receitas que estavam penhoradas e que asfixiavam o clube. Deste modo, o Cruz-maltino espera trazer as tão esperadas boas notícias para a torcida: o acordo de patrocínio master com a Caixa, além das parcerias com a Nissan, para as costas da camisa, e uma terceira empresa para a barra do uniforme. Juntas, gerarão mais de R$ 30 milhões.

Para conseguir as certidões, o Vasco se comprometeu a pagar altas parcelas. De entrada, o clube depositará cerca de R$ 20 milhões que já estavam retidos. Em seguida, iniciará prestações de R$ 500 mil que aumentarão com o decorrer do tempo.

O alívio tem gerado a expectativa de que, de uma vez por todas, os salários se regularizem. Atualmente, jogadores e funcionários estavam com dois meses de atrasos. Na última sexta, o clube depositou maio, mas alguns atletas não receberam, o que fez com que o elenco decidisse por não treinar no sábado. O Vasco, por sua vez, garantiu que o problema foi da transação bancária e que os lesados receberão normalmente hoje. Além disso, a esperança é de que até sexta o mês de maio seja depositado.

Fonte: Lancenet

Comentários

Jogos

Vasco x Avaí

São Januário – 30/08/2014 - 16:10

Vasco x ABC-RN

Arena das Dunas – 02/09/2014 - 19:30

Copyright © 2010-2014 Vasco Notícias. Todos os direitos reservados. Política de PrivacidadeFale Conosco