Saiba o que o Vasco precisa para não ser rebaixado em 2013

Apesar da pequena melhora em seus prognósticos, a situação do Vasco da Gama ainda é bastante complicada.

Juninho teme queda na fim da carreira

Juninho teme queda na fim da carreira

O empate em 0 a 0 com o Bahia neste domingo manteve o Vasco longe das vitórias após sete jogos, mas rendeu, ao menos, o primeiro ponto da equipe no returno do Campeonato Brasileiro. E o placar sem gols também fez o clube, antes em queda livre, colar no Criciúma e dar um freio nas chances matemáticas de rebaixamento, antes em ascensão constante.

Agora, a probabilidade de retorno do Vasco à Série B não se alterou, seguindo em 58%. Com um jogo a mais devido à partida antecipada contra o Atlético-MG há uma semana, o Criciúma, por sua vez, tem os mesmos 70% de chances de cair da Ponte Preta, vice-lanterna da competição. Os números são do site Infobola.

Apesar da pequena melhora em seus prognósticos, a situação do Cruz-maltino ainda é bastante complicada. Tomando por base os 46 pontos, valor com o qual nenhuma equipe foi rebaixada desde 2006, quando 20 clubes passaram a disputar o Brasileirão, o Vasco ainda precisa conquistar mais sete vitórias nas últimas 14 rodadas do torneio.

Atualmente, o clube tem somente seis sucessos na competição, o que lhe obriga a saltar seu aproveitamento dos 34,7% momentâneos para 50% caso queira evitar passar mais um ano jogando no segundo escalão do futebol brasileiro.

Para iniciar sua recuperação na tabela o mais rápido possível, o Vasco enfrenta o Internacional nesta quinta-feira, às 21h. Obrigado a mandar quatro partidas a 100 km do Rio de Janeiro por punição do STJD, o Cruz-maltino fará o duelo no estádio Moacyrzão, em Macaé.

Leia mais sobre: Campeonato Brasileiro

Comentários

Jogos

Vasco 2 x 1 Ponte Preta

São Januário – 30/07/2014 - 22:00

Vasco x Paraná

São Januário – 02/08/2014 - 16:20

Copyright © 2010-2014 Vasco Notícias. Todos os direitos reservados. Política de PrivacidadeFale Conosco