Otto Carvalho rebate acusações de Eurico Miranda

Otto Carvalho, presidente do Conselho Fiscal, respondeu as acusações do presidente do Vasco da Gama, Eurico Miranda.

Eurico Miranda, presidente do Vasco da Gama, durante a entrevista coletiva concedida na última terça-feira, lançou acusações contra o presidente do Conselho Fiscal, Otto Carvalho.

"O presidente do Conselho Fiscal estimulou matérias que foram recebidas por setores com interesse único de prejudicar o Vasco", afirmou o mandatário.

As acusações logo foram rebatidas por Otto Carvalho, em entrevista ao jornalista David Nascimento, do Lance. 

“O presidente do Conselho Fiscal não prejudica o Vasco não, muito pelo contrário. O que ele tem de entender que quando fui eleito, ele diz que a maioria, zelando pelos interesses do clube. Minha atitude justamente é para preservar a instituição. O problema é que não tem planejamento, não tem nada, ele viajou em 2016 que ganhou R$ 60 milhões de luvas da Globo, e não planejou nada. Aí 2017 foi esse caos. E eu não posso concordar. Ele diz que não é candidato, que só usa como presidente... Nada, ele só pensa em eleição. Tanto é que só pensa em eleição é que vi o esquema que estavam colocando sócios inaptos como aptos”.

"Eu não fui eleito presidente do Eurico Miranda. Eleito presidente do Conselho Fiscal com responsabilidade com a instituição. Isso tudo é balela, temos que entender que o clube ele recebeu com dificuldade sim, mas tem que avançar. Não ficar na mesmice. Esse Eurico Miranda já deu no que tinha que dar. Ele está estragando a história dele no Vasco. Se ele já foi bom para o clube, está fazendo a história ficar ruim. Talvez ele esteja preocupado se eu vou continuar como presidente do Fiscal. As contas de 2017 estão aí para serem analisadas. E de repente o que tentaram na gestão do Dinamite e não conseguiram fazer, que era justamente desmascarar o 'amor' dele pelo Vasco, talvez agora alguém consiga fazer. O Vasco é um clube político, não tem jeito".

"O Eurico é blá, blá, blá. Tomei atitudes para eleições limpas, o pedido para fazerem a urna 7 foi trabalho do meu grupo que o Horta assinou, detectamos esse problema. Temos que respirar novos ares. Espero que o Brant tenha sabedoria em pessoas que pensam Vasco", afirmou.

Otto Carvalho inicialmente sairia como candidato à presidência do Vasco, mas em pouco tempo, juntou-se a chapa “Mudança com Segurança”, liderada por Fernando Horta, que em plena eleição, juntaram-se à chapa “Sempre Vasco livre”, de Julio Brant e Alexandre Campello.

Leia mais sobre: Eurico Miranda

Comentários

Leia também

Copyright © 2010-2018 Vasco Notícias. Todos os direitos reservados. Política de PrivacidadeFale ConoscoSobre nós