Julio Brant deve ir à delegacia prestar queixa-crime após entrevista

Julio Brant deve ir à Delegacia de Polícia prestar queixa-crime diante dos últimos acontecimentos que ocorre em São Januário.

Líder da oposição do Vasco, Julio Brant deve ir a São Januário nesta sexta-feira acompanhado de outros conselheiros do clube para ver pessoalmente se as denúncias de saques na sede são verdadeiras. Em seguida, deve ir à 17ª Delegacia de Polícia prestar queixa-crime diante dos áudios e das imagens que correm desde a noite de quinta-feira, de funcionários que estariam levando materiais esportivos, computadores e televisões do clube.

Às 11h, está marcada uma coletiva de Brant na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, para tratar dos últimos acontecimentos que o Vasco tem atravessado antes do fim do mandato de Eurico Miranda, na próxima terça-feira.

Leia mais sobre: Eleição

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »