Jogadores comemoram vaga na pré-Libertadores, mas não torcem pelo Urubu

Os jogadores do Vasco admitiram que não vão torcer para o Flamengo conquistar o título da Copa Sul-Americana.

O Vasco está classificado para a Copa Libertadores de 2018. Os cariocas vão, à princípio, participar da primeira fase do torneio, conhecida como “Pré-Libertadores”, por conta da vitória deste domingo sobre a Ponte Preta, pelo placar de 2 a 1.

Os jogadores do Vasco fizeram festa no gramado após o término da partida. “Conseguimos o objetivo (vaga na Libertadores). Muitos não esperavam, por conta dos problemas que tivemos durante o ano. Muito gratificante ver a alegria de todos os torcedores, da nossa família. Muito feliz por essa classificação”, afirmou o meia Nenê em entrevista ao SporTV.

Com o resultado deste domingo, o Vasco terminou a Série A do Brasileirão na sétima colocação, com 56 pontos. A equipe ocupou a sexta colocação até após o final da partida, mas viu o Flamengo vencer o Vitória e assumir a vaga – última posição que garante participação direta na fase de grupos da Liberta.

O Cruzmaltino, no entanto, ainda pode se livrar da “Pré-Libertadores”. Caso o Flamengo vença a Copa Sul-Americana, a equipe volta a garantir vaga na fase de grupos. Apesar disso, os jogadores do Vasco disseram que será ‘difícil’ torcer para um título do arquirrival.

“Fizemos a nossa parte. O que tiver que acontecer vai acontecer”, disse o zagueiro Anderson Martins. “Conseguimos nosso objetivo. Se for para jogar a ‘Pré’, vamos jogar e vamos ter que ganhar”, completou o meia Paulinho, autor do primeiro gol do Vasco na vitória sobre a Ponte, em São Januário.

Leia mais sobre: Vasco x Ponte Preta, Libertadores, Paulinho, Anderson Martins

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »