Eurico Miranda explica contratação de um dos advogados mais caros do Brasil

O presidente Eurico Miranda contratou o escritório do advogado Sérgio Bermudes para defender o Vasco no caso da urna 7.

A saída de Anderson Martins teve os atrasos de salário como o principal influenciador. Ele retornou ao Vasco no meio do ano passado, quando justamente os salários começaram a ser pagos pelo clube com atraso. Eurico Miranda admitiu os salários atrasados na coletiva da última terça-feira (meses de novembro, dezembro e 13º salário de 2017).

– Qualquer centavo que entrar aqui é para pagar salário. Não tenho como buscar recurso, porque todos os parceiros que tínhamos estão receosos com o quadro que se apresenta. Recurso, vamos buscar, mas o quadro está muito difícil – disse o presidente.

Eurico Miranda afirmou não saber como regularizará esta situação. A esperança em curto prazo é o montante que o Vasco irá receber pelo mecanismo de solidariedade da Fifa pelo Philippe Coutinho - são esperados pelo Cruz-Maltino R$ 15,5 milhões dos R$ 622 milhões pelo qual ele foi negociado com o Barcelona.

Uma questão que é muito questionada pelos torcedores nas redes sociais é por que mesmo com os salários estão atrasados, se o atual presidente do Vasco contratou em nome do clube o escritório do advogado Sérgio Bermudes, um dos mais importantes do Brasil e mais caros, para defender o grupo de situação na Justiça no caso urna 7. Eurico Miranda foi questionado por um jornalista e defendeu dizendo que valor caro ou barato é ponto relativo.

– Escritório do Bermudes é caro por quê? Deve ter feito um contrato com o Vasco. Eu tenho obrigações de defender o interesse do Vasco. Se é caro ou barato, é avaliação. Ele recebe menos que os jogadores de futebol ganham por mês – defendeu.

Funcionários do Vasco procuraram o LANCE! denunciando estes atrasos. Segundo os denunciantes, ao questionarem sobre o pagamento, não são dadas satisfações. Questões de prioridades para gastos que ficam em aberto.

Leia mais sobre: Eurico Miranda

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »