Zé Ricardo tem a missão de reerguer o Vasco para o Brasileiro e Libertadores

Após perder o Carioca, Zé Ricardo terá que reerguer o elenco do Vasco da Gama para a disputa do Brasileiro e Libertadores.

Após a perda do título carioca, o equilíbrio do time cruzmaltino é o que o técnico Zé Ricardo persegue para a disputa do Brasileirão e a sequência da Libertadores. O Vasco terminou o Campeonato Carioca como o mais ofensivo, com 28 gols, mas, ao mesmo tempo, teve a pior defesa, sofrendo 23. Foi também a equipe que mais sofreu gols nos últimos 15 minutos, incluindo o de Carli, do Botafogo, que levou a decisão do título estadual para os pênaltis ao balançar as redes aos 49 do segundo tempo, domingo, no Maracanã.

Enquanto busca a sintonia ideal no time cruzmaltino, Zé Ricardo aguarda pelo retorno de jogadores que estão em recuperação. No entanto, a curto prazo, não poderá contar com Paulinho, um dos principais nomes do elenco, que operou o cotovelo esquerdo no sábado e tem tempo de recuperação estipulado em quatro meses. "Acho que os reforços estão dentro do clube. Breno, Ramon, Kelvin, Marcelo Mattos, Paulinho, Rildo, Giovanni (Augusto). Antes de qualquer análise de mercado, vamos dar bastante força ao nosso grupo", afirmou Zé Ricardo após a derrota para o Botafogo.

BRUNO SILVA PRONTO

O volante Bruno Silva, contratado em março, ainda não estreou pelo Vasco. Fora da lista de inscritos do Campeonato Carioca, ele chegou a ser relacionado para o jogo contra o Cruzeiro, pela Libertadores, na quarta-feira.

A estreia no Brasileirão será domingo, contra o Atlético-MG, em São Januário. Pela Libertadores, com uma derrota para a Universidad de Chile e um empate com o Cruzeiro pelo Grupo 5, o Vasco ainda persegue a primeira vitória e volta a jogar no dia 19, contra o Racing, da Argentina, fora de casa. Para Zé Ricardo, é hora de reerguer o time, abatido pela perda do título carioca.

Leia mais sobre: Vasco x Atlético-MG, Zé Ricardo

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »