Comentarista sobre acesso do Vasco: "Constrangimento, drama e alívio"

Para Lédio Carmona, a vitória sobre o Ceará, no Maracanã, foi movido por sensações que deixaram os vascaínos preocupados, mas aliviados.

O roteiro do acesso do Vasco à Série A do Campeonato Brasileiro poderia render um bom filme de drama, mas com um final que fez, mais uma vez, tua imensa torcida bem feliz. Isso porque, após começar atropelando na segunda divisão, o time cruz maltino caiu tanto de produção, a ponto de se ver obrigado a vencer o Ceará na última rodada, para não depender do resultado do Náutico. Para Lédio Carmona, a vitória por 2 a 1 sobre o Ceará, no Maracanã, neste sábado, foi movido a três sensações que deixaram os vascaínos preocupados, mas aliviados.

- Dá para dizer que foi uma tarde de, primeiro, constrangimento antes da bola rolar. Com o jogo em andamento, principalmente no primeiro tempo, de drama. Muito drama. E, no final, no segundo tempo, depois da virada, de alívio. Constrangimento, algo que acho que o Vasco não precisava ter passado, drama no primeiro tempo e alívio no final. Sendo generoso, o Vasco jogou melhor que o Ceará durante os 15 minutos iniciais do segundo tempo. De resto, o Ceará foi muito melhor no primeiro tempo, equilibrou a partir dos 15 minutos do segundo e terminou melhor que o Vasco. O resultado foi ingrato para o Ceará - afirmou Lédio. 

Presente no estúdio do Troca de Passes, Wagner Vilaron comentou que a sensação do torcedor vascaíno ao final da partida decisiva era mais de alívio que alegria pelo retorno à Série A. O comentarista do SporTV afirmou ainda que a missão do Vasco em 2017 é "aprender" com aqueles que já estiveram na segunda divisão e não repetir os mesmos erros.   

- Eu vi alegria entre as torcidas do Atlético-GO, do Avaí, do Bahia, mas, no Maracanã, vi alívio e não alegria. Acho que o Vasco não conquistou nada, não fez mais do que a obrigação. O grande desafio do Vasco é ano que vem, que precisa parar com essa história de três rebaixamentos em oito anos. A gente vê que os "gigantes" do futebol brasileiro que caíram, de um jeito ou de outro, aprenderam alguma coisa. O Vasco, até agora, não deu sinal de ter aprendido. Espero que ano que vem seja essa oportunidade de se estabelecer, olhar para trás e dizer: "não podemos repetir isso" - disse Wagner Vilaron.   

Após 38 rodadas, o Vasco terminou a Série B em terceiro lugar, com 65 pontos, sendo 19 vitórias, oito empates e 11 derrotas. O campeão da segunda divisão do Brasileirão foi o Atlético-GO, com 76 pontos. Os outros dois clubes que irão disputar a elite do futebol brasileiro em 2017 são Avaí (66 pontos) e Bahia (63 pontos). 

Leia mais sobre: Vasco x Ceará, Campeonato Brasileiro

Comentários

Leia também

Copyright © 2010-2017 Vasco Notícias. Todos os direitos reservados. Política de PrivacidadeFale ConoscoSobre nós